Networking para freelancers: 3 maneiras eficientes de como fazer

No começo das suas carreiras, os freelancers podem sentir-se u pouco solitários. Ainda mais quando os freelas ocupam seu dia de maneira integral, isso muitas vezes significa que não há ninguém ao lado e diversas noites são ocupadas para que jobs atrasados sejam finalizados. Isso consequentemente acaba com sua vida social e até mesmo dificulta o networking.

Ser freelancer exige que antes de tudo, você se dê bem com você mesmo e seja capaz de se organizar para trabalhar sozinho. Mas mesmo no começo, é importante pensar em planejar sua rede de contatos, ou potencializar a que você já faz parte.

Se você entrou na carreira dos freelas há pouco tempo, você deve estar pensando “Mas o quê? Eu não faço parte de nenhuma rede, meus contatos são mínimos, como eu posso criar networking??”

Se você se reconhece nessa situação, pode ficar tranquilo. Todos começam dessa forma, e essa é a beleza disso. Você pode até pensar que seus concorrentes que estão ha mais tempo no mercado e já atingiram sucesso tiveram sorte, mas na verdade, o que eles tiveram foi a capacidade de pensar estrategicamente, se planejar e montar redes de contato. Certamente, eles criaram relacionamentos com pessoas que importam para o seu segmento de atuação que levaram as informações do seu trabalho a outras pessoas ou até mesmo contrataram os seus serviços.

Mas acredite, isso é mais fácil do que você imagina, porque querendo ou não, seus amigos e familiares ou colegas de faculdade já são sua rede, você só precisa selecionar as pessoas certas e potencializar essa rede.

Por que networking é importante para freelancers?

Antes de aprofundar a forma da qual você pode usar para montar seu networking, vamos repensar porque isso é tão importante.

Hoje em dia, apesar da realidade interconectada do mundo e da capacidade de alcançar alguém, em qualquer lugar, ao alcance de um toque, os relacionamentos ainda são as coisas mais valiosas que os empreendedores podem ter. Isso se aplica para qualquer tipo de negocio.

Como seres humanos, desejamos conexões com os demais seres humanos que nos cercam. Nós gostamos de interagir e construir confiança com quem admiramos. Isso nos dá sensação de que temos um propósito e uma sensação de que nos gostamos e gostamos do que fizemos. Que somos realmente seres importante dentro de nossas realidades.

Os relacionamentos também são a chave para conquistar novos clientes. Nós somos mais propensos a recomendar alguém que conhecemos e somos mais propensos ainda a comprar algo de alguém que recebeu recomendações.

Então, para simplificar, a criação de networking para freelancers é, sem duvidas, muito importante. Isso porque ela possibilita, através dos relacionamentos, conexões importantes que criam vendas. Simples.

Você também pode se interessar por:

3 maneiras fáceis para montar seu networking no inicio da sua carreira

O Networking é importante em todas as fases da sua carreira, isso porque é importante não só manter, mas sim, criar novos relacionamentos em diferentes áreas também. Se você deseja crescer como profissional, você deve expandir sua rede.
Mas para o propósito desse post, vamos ver como você pode se conectar como freelancer à pessoas que importam para sua carreira.

Amigos, família e colegas

As conexões mais próximas, geralmente, são ignoradas. Afinal você pensa que eles sabem tudo sobre você e seu trabalho. E que sendo assim, eles podem te recomendar a qualquer momento, certo?

ERRADO.

Se você é social media, sua mãe acha que você posta frases de motivação em páginas de empresas. Se você é designer, ela deve achar que você faz bannerzinhos e “logomarcas”. Mas isso não é culpa dela, mas sim culpa sua.

Quando estamos começando, essas são as pessoas que nos rodeiam. Elas são as pessoas as quais esperamos que sejam fontes de motivação e que serão pessoas relativamente participantes do seu negocio. Agora você deve estar pensando “Mas como as um milhão de outras mães amigas da minha mãe podem contribuir para o crescimento do meu negocio?”

Porque embora voce possa não saber, sua mãe, através dos contatos dela, pode criar uma conexão com alguém que tem um negocio e precisa de um social media ou de um designer. Ou o filho de uma dessas outras mães pode trabalhar em uma empresa que está pensando em contratar alguns serviços pontuais.

Antes, você poderia pensar que sua mãe era apenas a pessoa que iria te apoiar, mas agora você tem consciência de que ela pode ser uma pessoa que divulga o seu trabalho para outras pessoas em potencial.

Antes, você pensou que a prima Barbara era a pessoa com quem bebia vinho quente no Natal. Agora? Agora ela é sua chave para uma rede mais ampla.

A grande coisa sobre amigos, familiares e colegas (se você se sentir confortável em compartilhar o que faz com eles), eles o recomendarão sem ter experimentado seu trabalho.

Como fazer uma rede com amigos e familiares

Não basta simplesmente soltar um “hey, por sinal, eu faço isso”, em uma conversa na próxima vez que você ir para o café com seus conhecidos. As pessoas não são leitores mentais. Se você deseja realmente aproveitar seus amigos, familiares e colegas como uma rede, você precisa compartilhar com eles exatamente o que você faz.

Escreva em algum lugar tudo que você é capaz de fazer pelo negocio de alguém. Você também pode publicar no seu Facebook, deixando claro para seus amigos que você esta disposto a realizar tais servicos, basta que os mesmos entrem em contato.

Certamente, essas pessoas querem ajudar voce. Elas só precisam saber o que você realmente faz.

2. Eventos locais de networking

Parece assustador, certo? Passando a um evento onde você não conhece ninguém e você tem que falar sobre tudo o que funciona?

Sim, parece terrível, mas esses tipos de eventos são tão importantes nos estágios iniciais da sua carreira. Impulsionar o seu nome na sua área pode levar a um fluxo de trabalho enorme quando você começa a se relacionar com empresas que frequentam os mesmo lugares que você, por exemplo, um evento como esses.

Isso significa que se voce é uma blogueira de moda, você deve querer ir a eventos aonde se reune varias pessoas responsáveis pela comunicação de marcas de roupa, por exemplo.

Como fazer a rede em eventos locais

Na verdade, não é um caso de mostrar e lançar seus serviços para todos que você vê.

Em vez disso, você deve começar a construir relacionamentos como uma pessoa que “não quer nada”, como uma pessoa normal. Vá com a ideia de que você está simplesmente conhecendo algumas pessoas que talvez precisem da sua ajuda.

O ponto aqui é fazer perguntas mais do que qualquer outra coisa. Conheça essas pessoas de forma mais densa, mostre interesse pelos seus assuntos. Uma vez que você fizer isso, elas vão lembrar de você.

3. Grupos do Facebook

Não tenha medo de fazer a solicitação. Entre em vários grupos do Facebook (só tome cuidado com o numero de solicitações de entrada em único dia para não ser bloqueado temporariamente.) Participe de grupos regionais para se conectar com pessoas próximas a você de forma geografica. Grupos criativos com profissionais da sua área, para evoluir seu trabalho e ajudar os demais participantes do grupo, seja com dicas ou indicações. Grupos de freelancers, aonde você pode divulgar seus trabalhos e também pesquisar por vagas das quais são interessantes para você.

Por exemplo, em grupos de Social media, existem diversas pessoas que estão lá apenas para captar algumas dicas, mas elas são donas de negócios, elas não entendem tão bem da área quanto você. Fique atento a publicações dessas pessoas, geralmente elas fazem posts pedindo ajuda ou avaliações para suas criações. Por meio dos comentários, ajude essas pessoas e elas perceberão valor em você. Você também pode abrir o perfil dessas pessoas para ter certeza de que elas são seu público, e se for o caso, pode até mesmo mandar uma mensagem inbox, de forma sutil, é claro.

Conclusão:

Agora que você sabe como montar sua rede é importante, já pode começar a tomar as providências para montar uma rede vasta e valiosa para conseguir JOBs maiores e melhores e construir uma carreira de sucesso! Tem alguma dica que deixamos passar? Conta pra gente aqui nos comentários 😀

E assine a nossa newsletter agora para receber conteúdos legais como esse na sua inbox!

Assine a nossa newsletter

Comentários

comentários

Enviado por Daniel Henrique

Publicitário pela Universidade Regional de Blumenau. Coordenador de conteúdo na Spitze Network.