Tudo o que você precisa saber para se manter produtivo enquanto trabalha em casa

Como freelancer, você monta seu próprio horário, escolheu seus clientes e geralmente tem a liberdade de moldar sua vida profissional de uma forma um tanto quanto pessoal. Parece perfeito, certo? Mas juntamente com as vantagens, as responsabilidades adicionais e a necessidade da disciplina são coisas que se tornam essenciais para o funcionamento do seu negocio.

Eu tenho trabalhado de casa há alguns meses e, durante esse período, aprendi alguns truques que me ajudam a obter melhor índice de produtividade durante os meus dias. Juntei alguns e gostaria de compartilha-los com você. Pode ser um desafio muito grande manter-se disciplinado para que a produtividade realmente seja algo concreto, mas a simples conscientização sobre o tema já pode resolver bastante coisa.

Associações em conflito.

Enquanto escrevo esse post, estou no escritório que montei aqui em casa. Esse é o lugar onde passo a maior parte do tempo. É grande o suficiente para que eu possa trabalhar de forma tranquila e deixar todos os equipamentos e livros arrumados. É isolado do resto da casa e é excelente para a privacidade. No entanto, por ainda estar em casa, as oportunidades de distração são bastante numerosas. Eu poderia facilmente trabalhar em outro cômodo, como no sofá ou na cama, mas a associação conflitante entre trabalho e lazer faria com que tudo isso fosse difícil demais.

A maioria das distrações mais comuns são provenientes de associações conflitantes.

Trabalhar da cama é um excelente exemplo de associação conflitante, porque a cama é o lugar onde você dorme, dessa forma, ao tentar trabalhar da cama, seu cérebro pode não compreender o que você realmente quer fazer. Então ele pode relaxar, como se estivesse se preparando para dormir, isso pode diminuir bastante a sua produtividade.

Uma maneira simples de estabelecer fronteiras entre o seu lar e o seu trabalho é vestir-se como se estivesse pronto para sair de casa. Como freelancers, somos conhecidos por usar pijamas o dia inteiro e trabalhar da cama. Mas se você fugir disso, colocando calças e alguma camisa, isso pode acabar com essa armadilha. Antes de começar a trabalhar, apronte-se como se realmente houvesse a necessidade de sair de casa.

Estabelecer essas regras para trabalhar em casa é algo que deve auxiliar muito na sua mentalidade ao iniciar o dia. É importante que você esteja consciente dos fatores que podem prejudicar seu foco e que você pode estabelecer os limites apropriados sempre que necessário.

Começando seu dia  com o pé direito.

Você ficaria surpreso com a importância das primeiras horas do seu dia. Você descobrirá que quanto mais cedo realizar as tarefas importantes, mais produtivo deve ser o seu dia.

Caso queira tentar, experimente acordar uma hora mais cedo, liste as coisas mais importantes das quais precisa fazer e então as faça. Tente planejar seu dia na noite anterior, dessa forma seu cérebro já acorda preparado para enfrentar o dia.

Mesmo antes de abrir sua caixa de e-mails ou ver seu feed do Facebook, elimine pelo menos uma tarefa das quais você listou como importante. Fazer com que as coisas mais importantes sejam solucionadas logo no começo do dia farão com que você se sinta bastante produtivo e tudo o que você fizer depois disso é como bônus de produtividade. Tente rever sua estratégia quando se sentir improdutivo.

Você pode, às vezes, se sentir desencorajado ou sobrecarregado com o seu trabalho e, como resultado, você pode encontrar-se fazendo algumas coisas inúteis.

Se a sua falta de motivação o torna improdutivo, nunca pense que fazer uma pausa ajudará a rejuvenescer a si mesmo. Eu acho que estou fazendo isso o tempo todo quando minha motivação é baixa e, e no meio dessas pausas, vou começar a sentir a culpa. Uma vez que a culpa atinge, quase nunca volto aos trilhos.

É um ciclo vicioso. Tente empurrar a frustração para fora, mesmo se você não está se sentindo motivado. Se tudo isso falhar, tente trabalhar em um projeto diferente, desde que você não tenha um prazo urgente para fazer com o que está causando a frustração. Muitas vezes, você pode fazer progresso com outro projeto e voltar para o problema anterior com uma visão mais positiva e algumas idéias novas.

Saiba que se você trabalhar em uma nova tarefa por pelo menos cinco minutos, então você estará mais propenso a terminar.

Pense dessa forma: se você estivesse trabalhando como empregado para outra pessoa e você não estaria se sentindo motivado para trabalhar, você teria seu chefe te olhando pelas suas costas para fazer algo. Você deve ser esse chefe e se forçar a fazer as coisas acontecerem, porque, se não puderem, nada será feito.

Você também pode se interessar por:

Contraste as pausas com o tempo de trabalho.

Depois de realizar uma longa tarefa, faça uma pequena pausa, saia da frente do computador. Depois que se sentir descansado ou pelo menos desconectado o suficiente do projeto anterior, volte ao computador e parta para o próximo projeto. Tente tirar pausas do computador para que você não associe o seu tempo de descanso com seu local ou instrumento de trabalho.

A importância de estabelecer prazos.

Com o passar dos projetos, você irá descobrir o quão importante é definir seus próprios prazos. Quando você trabalha sem prazos, é como se estivesse correndo sem saber o tamanho do trajeto ou quanto tempo você tem para cruzar a linha de chegada.

Se você se entregar a liberdade para dizer: “eu terminarei isso em qualquer data”, então nunca será feito. Defina um prazo rigoroso e permaneça com ele. Ainda melhor, conte para alguém sobre seus prazos, é extremamente normal que seus colegas sintam prazer em pegar no seu pé, use isso a seu favor. Colocar sua reputação e confiabilidade em jogo é um fator muito motivador para mantê-lo focado e produtivo.

Conclusão.

Ser freelancer faz de você seu próprio chefe e isso pode ser um beneficio ou algo maléfico a mesma medida. Tudo depende de você. Você é quem trilha seu próprio caminho. Ser capaz de controlar todos os aspectos do seu negócio pode ser tão difícil quanto controlar você mesmo.

Assine a nossa newsletter

Comentários

comentários

Enviado por Daniel Henrique

Publicitário pela Universidade Regional de Blumenau. Coordenador de conteúdo na Spitze Network.